Temos uma crise crise em gestão?
(Paulo Guedes, Ministro da Economia)

Ontem ao voltar de uma viagem de negócios assisti no voo a notícia que o primeiro trimestre da economia foi um balde de água fria naqueles que esperavam uma retomada.

Paulo Guedes diminui a expectativa de crescimento do PIB em 2019 de 2,5% para 1,5%. Não há de se minimizar o impacto e o efeito colateral dos erros e mais erros do passado na macroeconomia. Porém, posso afirmar com toda convicção que antes de uma crise econômica temos uma crise de gestão nas empresas.

Pense nos últimos atendimentos que recebeu como cliente, quais foram memoráveis positivamente? Na última vez que você teve problemas e precisou de uma empresa, quais fizeram um pós venda excepcional?

Quais abordagens inteligentes você tem recebido para retornar a negociação de algo que viu presencial ou pela internet? Quantos % das publicidades lhe enchem os olhos?

Ao fazer estas e tantas outras estratégias aumentam receita, minimizam perdas, maximizam recursos. Em época de Big Data, Treinamento Contínuo, Método e Gestão em Vendas, é preciso que antes de culpar o mercado olhemos para dentro.

O comércio no primeiro trimestre cresceu apenas 0,3% segundo IBGE. Então por que no site da Sucesso em Vendas vemos os parceiros crescerem dois dígitos? Serviços caíram (-0,6%), mas há parceiros que crescem 90% e você pode ver seu depoimento em vídeo.

Empresas crescerem quando o mercado está aquecido é o mesmo que o empregado ganhar aumento no mesmo percentual que a inflação, seu dinheiro vale o mesmo ainda que tenha tido maior esforço.

Crescer quando poucos conseguem é o melhor cenário. Principalmente se for através de ações estruturantes e que não se perderão no caminho ou dissiparão com o tempo. Quando o mercado aquecer as empresas que investiram em gestão, atendimento estarão em outro patamar de resultados, de cultura e de market share.

Aí, meu amigo, o jogo fica mais difícil ou mais fácil. Depende em qual time você joga.

Aliás, esta empresa que visitei e que inspira este texto, já prevê em meados de maio que a meta será batida. Por que? Simples, ao invés de cobrar resultados, optou construí-los. Assim, vê o sucesso em vendas chegar pois sabe que o caminho que trilhou só tem um destino.

E você? Que caminho escolheu?

Está em tempo de atingir Sucesso Em Vendas em 2019!