Central de Atendimento: (41) 3285-4422 ou Clique aqui

Sucesso em Vendas
Oscar-Reuniao-Motivacional

Como ganhar o Oscar nas reuniões motivacionais?

Você já conferiu aqui no blog a importância e o poder de um bom vídeo para se comunicar com a equipe através do artigo “Como transformar um simples vídeo em um treinamento de sucesso?”.

Pois bem, agora vamos abordar mais 5 pontos importantes que você deve considerar ao usar um vídeo para treinar ou motivar sua equipe! Para quem tem mais tempo como Líder de Vendas ou como Treinador se lembra de como era editar um vídeo em VHS para fazer uma reunião. Escolher e editar um vídeo saiu de um trabalho quase artesanal para um simples clique, escolha, baixe e play. Com o avanço da internet são milhares de acervos e oportunidades para fazer da sua reunião um show. Mas, espera! O que aconteceu então que as reuniões não são tão motivacionais e dinâmicas assim? Sim, caro leitor, o mundo dá voltas. Em tudo há bônus e ônus. Eis que todos os seus espectadores também já assistiram aquele vídeo fantástico que você separou para “surpreender”. E agora, Spielberg, o que fazer?

Reuniao-motivacional-video

Primeiro, vamos analisar os fatos: o problema é a equipe conhecer o vídeo ou a forma com que é conduzida a reunião? Você já deve ter participado de uma reunião onde o líder passa o vídeo (seja no início ou no fim) e delega o aprendizado da equipe ao conteúdo do vídeo. Você tem certeza que isso acontece quando, ao final, o líder pergunta “E aí pessoal? O que acharam? ”. A equipe emite respostas superficiais, alguns ajudam complementando e então o líder conclui “É isso aí! Vamos vender, pessoal! Foco na meta! ”. Desta forma, não importa se o vídeo é conhecido ou desconhecido, o aprendizado é reduzido, pois o líder delega a sensibilização, o conteúdo, a persuasão, a motivação dos seus liderados para o vídeo. E nada substitui a interação humana e o olho no olho de líder para liderado.

Portanto, seguem 5 dicas para não deixar você e o seu vídeo “no vácuo”:

1) Vídeo é um coadjuvante: não pode assumir o papel principal. Quem está no palco é você e sua equipe. O vídeo é o cenário, o pano de fundo. Não confunda os papéis.

2) Traduza: ao escolher o vídeo você teve uma interpretação, fez um link com a realidade. Nem sempre as pessoas que estão assistindo farão a mesma “leitura” que você. Portanto, “traduza” o que todos podem aprender com o vídeo.

3) Óbvio para quem? O que é claro para você pode não ser para mim. Portanto, alinhe com todos a percepção sobre o que estão vendo e a interpretação desejada. Lembro-me de um vídeo passado em uma reunião onde o assunto era um atendimento ruim e o líder ironizou dizendo que era muito bom. Um membro da sua equipe novato passou a copiar o atendimento assistido pois “não leu nas entrelinhas” que era exatamente o contrário.

4) Dialogue: evite o monólogo. Evite passar o vídeo e depois começar o sermão ou a palestra. Faça perguntas inteligentes para obter respostas interessantes: O que esse vídeo tem a ver com nosso dia a dia? Vocês concordam ou discordam? O que podemos trazer para a nossa realidade? Como podemos praticar na nossa equipe? Quais compromissos firmamos hoje e que podemos cobrar uns aos outros? O seu treinamento de vendas será mais assertivo!

5) Evite improvisar: Todos percebem quando você montou algo rapidamente sem amarração. Você percebe, por que os outros não perceberiam?

Quando me perguntam, sempre sou enfático: se for pra fazer sem impactar é melhor não fazer. Como você já percebeu, para dar show é preciso de técnica de venda e treinamento contínuo. Comece por essas 5 dicas, aplique-as na prática. Quando dominá-las, continue avançando!

Neste blog você encontrará diversas dicas que farão das suas reuniões merecedoras de um Oscar.

Clique aqui para receber mais conteúdos como esse!

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Receba nossa newsletter!

Os melhores conteúdos, dicas e ferramentas para melhorar seus resultados em vendas!


Black Flag Publicidade